Mapa dos dias

Ora bem, isto de ir de férias dá tanto trabalho que uma pessoa precisa de férias antes das férias. 😛 Para não variar, o tempo escapuliu-se e o planeamento não foi tão atempado como gostaríamos, mas, c’est la vie. Ora aqui está o game plan por alto. A ideia é chegar a casa no dia 6 ou 7 da viagem, consoante o rumo e o ritmo que os pontos de interesse que encontremos, a nossa energia, etc, etc, nos levem a tomar. Então é assim, por alto…:

Dia 1: Lisboa – Fontainhas do Mar

Ver mapa maior

Dia 2: Fontainhas do Mar – Porto Côvo

Dia 3: Porto Côvo – Carvalhal

Dia 4: Carvalhal – Aljezur 

Dia 5: Aljezur- Sagres 

Dia 6: Sagres – Alvor

Dia 7: Alvor – S.B. de Messines

  • ~ 50 Km
  • @família

Dias 8 a 11: por definir!

  • Praia? Sossego? Mais touring? 🙂

Dia 12: Algarve- Lisboa

  • comboio Messines-Lisboa, ou Faro-Lisboa, ~40 €

Despesas mínimas previstas em transportes e alojamentos: 150 €

9 comentários a “Mapa dos dias

  1. João

    Duas perguntas:

    – Como vão fazer para “estacionar” as bicicletas durante a noite?
    – Como vão fazer para voltar de comboio para Lisboa?

    Já agora, em Tróia, penso que vão sair no outro cais mais a Sul e não no que está marcado no mapa. Esse é só para passageiros sem veículos.

    Responder
    1. Ana Pereira Autor do artigo

      A questão do roubo das bicicletas preocupa-nos. A ideia de uma tenda onde as pudéssemos incluir era inviável para já, pelo que a tenda que comprámos é muito pequena e as biclas ficam mesmo lá fora, idealmente meio entaladas entre a tenda e um poste, uma árvore, etc, e presas com cadeados. Depois veremos melhor in situ se há outras opções.

      A opção do comboio ainda está por estudar melhor. Se não der recorreremos a alguma linha de autocarros Expresso. Em qualquer dos casos enrolando primeiro as biclas em manga plástica ou similar.

      Os pontos no mapa são só aproximados, mas obrigada pela dica. 🙂

      Responder
      1. Manuel

        Nos combois deve ser complicado, a não ser que seja nos regionais. já fiz uma viagem do género e de lagos apanhei um expresso para lisboa, paguei um extra pela bicicleta, mas foi tranquilo:)

        Boa viagem!

        Responder
  2. Pedro Leitão

    Já passaram pela Zambujeira? Não? Aljezur? Epá, não disseram nada?! Estou triste com vocês Ana e Bruno… eu aqui à espera que me dissessem alguma coisa para vos mostrar uns truques para chegar ao algarve, e uns sítios onde comer barato… epá… :/

    Responder
    1. Ana Pereira Autor do artigo

      Pedro, a possibilidade de nos esquecermos existe, nas viagens perdemo-nos sempre, espacialmente, mas também temporalmente, etc. 😛 Mas ainda não arrancámos sequer, se tudo correr bem, partimos 2ª-feira! 🙂 Na Zambujeira devemos passar na 5ª-feira! Envia-me o teu número de telemóvel para anapereira[arroba]cenasapedal.com, e quando estivermos perto apitamos! 🙂

      Responder
      1. Pedro Leitão

        Ah! Pelo post percebi mal então… desculpem-me.
        Pareceu-me que já tinham feito vários dias de cicloturismo e que já estavam lá ao fundo. 🙂

        O meu número é: 91 900 1559

        Estejam à vontade para dizer qualquer coisa… e se não houver tempo suficiente, ao menos que dê para um café.

        Abraço e boa viagem.

        Responder
  3. Pedro Leitão

    Estava a ver o vosso plano com atenção e acho que com jeitinho podiam ganhar mais um dia extra no vosso destino (para praia, passeios, etc. o que quiserem) se fizerem Porto Côvo – Aljezur numa única etapa. Conheço bem as estradas e exceptuando a subida de Odeceixe é tudo de perfil razoavelmente plano:

    http://img.techpowerup.org/130818/Capture3156-20130818-182028.jpg

    Não chega a 80Km com 700m de acumulado, é uma brincadeira. Nas calmas faz-se em 5H00. Sair às 9H00 e chegar às 14H00. Ou com almoço pelo meio, chegar às 16h00. E eu ia ter connvosco a Milfontes e fazia o resto da etapa até Aljezur a fazer de ‘domestique’.
    Ganhavam um dia que vos pode vir a fazer falta mais tarde… mas é só uma ideia.

    Abraço,

    Pedro.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

6 + 1 =